Como vão indo, Dmitry e Marina Shestakov?


UZBEQUISTÃO, Navoi (Portas Abertas) – O pastor pentecostal Dmitry Shestakov, 39 anos, da igreja evangélica Evangelho Pleno, completou dois anos e nove meses no campo de trabalhos forçados em Navoi. Ele foi condenado a quatro anos de prisão em 9 de março de 2007 por praticar a fé cristã.

Email para seu amigo e divulgue no Facebook | Digg | Del.icio.us | Stumbleupon | Reddit | Blinklist | Twitter | Technorati | Yahoo Buzz | Newsvine

Dmitry está muito bem. Diversas pessoas se perguntam por que ele está preso. Embora o pastor tenha obtido o respeito de muitos detentos e oficiais do campo de trabalhos forçados, ele não pode orar abertamente nem ler a Bíblia. Só de vez em quando Dmitry encontra uma oportunidade de orar em voz alta. Esses momentos são muito preciosos para ele.

O pastor poderia ter sido libertado se tivesse assinado uma declaração de culpa, mas ele se recusou. A comunidade internacional pediu a libertação antecipada de Dmitry, mas o pedido foi rejeitado, e o pastor ainda tem mais um ano de detenção pela frente. Ele, entretanto, está ciente de todas as atividades feitas em favor dele.

O pastor Dmitry Shestakov havia sido condenado a prisão aberta com trabalhos leves, mas em 2007 foi transferido para a prisão de trabalhos forçados em Navoi. As condições da prisão são terríveis, com informações sobre alto nível de contaminação dos presos com o HIV, tráfico de drogas e ambiente agressivo. A temperatura no Uzbequistão varia entre 0 graus C no inverno e 40C no verão, sem que a prisão tenha proteção adequada.

A família agradece todo tipo de apoio que recebeu dos cristãos em todo o mundo.

Dmitry tem alguns problemas de saúde por conta da pressão alta. Recentemente ele foi designado para fazer um trabalho mais leve. O principal pedido de oração dele e de sua esposa, Marina, é pela saúde física e espiritual de Dmitry. Marina e suas filhas, Masha, Sasha e Vera, continuam a visitar Dmitry quando têm permissão – a cada seis meses elas podem fazer uma visita longa e quatro curtas.

Marina tem recebido cartas de todo o mundo, o que a anima bastante. Ela fica feliz em recebê-las, embora muitas já cheguem abertas, vistoriadas pela polícia. Suas filhas também ficam felizes em receber cartões especiais para elas, pois eles os asseguram de que não são esquecidas.

As meninas estão na escola. Sempre que possível, elas acompanham sua mãe nas visitas da prisão. Marina diz: “O pai delas não é criminoso, não é um assassino ou ladrão. Não há do que se envergonhar. Não há anda melhor para as garotas do que ver o pai delas sempre que possível”. Infelizmente não há fotografias novas de Dmitry, pois é proibido entrar na prisão com câmeras fotográficas ou celulares.

Email para seu amigo e divulgue no FacebookDiggDel.icio.usStumbleuponRedditBlinklistTwitterTechnoratiYahoo BuzzNewsvine

Anúncios

3 Respostas

  1. Meus irmãos obriga pela existência deste site. Obrigada por estas páginas que hoje estão me tirando da alienação e me levando à oração. Estarei orando pelo pastor Dmitry e sua amada famìlia.

    Obrigada a vocês e a Jesus, por que tem me dado muitos irmãos.

    • Nós agradecemos a Deus que nos tem feito de instrumento para que o conhecimento sobre a realidade de nossos irmãos cristãos em alguns países, seja divulgado. Nosso objetivo é que pela divulgação desses atos criminosos, discriminatórios e contra os direitos humanos, os governos desses países finalmente cessem essas práticas medievais e atrasadas baseadas em uma interpretação atrasada de uma religião. Nos países democráticos como o Brasil, EUA e Europa, temos liberdade de culto. Que assim seja nos países muçulmanos. Pedimos a todos que divulguem, copiem, enviem links para que nosso movimento pela igualdade de direitos seja ampliado e que a palavra de Cristo possa ser livre em todo o mundo.

  2. […] Email para seu amigo e divulgue no Facebook | Digg | Del.icio.us | Stumbleupon | Reddit | Blinklist | Twitter | Technorati | Yahoo Buzz | Newsvine […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: