Espanha detém nove muçulmanos por tentar matar mulher acusada de adultério


REUS, VALLS, TARRAGONA, 14 de novembro de 2009 (France Presse, El Periódico). Nove homens muçulmanos foram presos na Catalunha, no nordeste da Espanha, por tentar matar uma mulher a quem acusavam de adultério. Os homens queriam aplicar a rígida lei islâmica, conhecida como Sharia, informou neste domingo a polícia local.

Envie por email para seu amigo e divulgue no seu Facebook | Digg | Del.icio.us | Stumbleupon | Reddit | Blinklist | Twitter | Technorati | Yahoo Buzz | Newsvine

A mulher foi sequestrada em março de 2009 e mantida em uma casa isolada, na localidade catalã de Valls. Lá, os nove homens organizaram um tribunal islâmico.

“Estas pessoas haviam constituído uma espécie de tribunal para aplicar a lei islâmica. A mulher foi julgada e condenada à morte”, disse o porta-voz.

A ré, no entanto, conseguiu escapar e denunciou o grupo à polícia da cidade vizinha de Mossos d’Esquadra. De acordo com a polícia, seus seqeustradores planejafam assassiná-la em breve.

As detenções foram realizadas em 14 de novembro de 2009. Seguindo as indicações da mulher que fora sequestrada, a polícia espanhola invadiu três apartamentos localizados na cidade de Reus (Baix Camp) e Valls (Alt Camp) e prendeu 9 muçulmanos, todos eles ligados ao movimento islâmico salafista, uma seita muçulmana ortodoxa muito presente na região de Tarragona.  Segundo a imprensa espanhola, os nove homens seriam muçulmanos do norte da África, informação que não foi confirmada pela polícia.

A justiça espanhola na cidade de Tarragona determinou prisão sem fiança de sete dos nove muçulmanos detidos, sob as acusações de prisão ilegal, tentativa de assassinato, sequestro e intenção de crime mortal. Tambám são acusados de associação ilícita.

As circunstâncias especiais deste crime, nunca antes visto na Espanha, fizeram com que as investigações sejam conduzidas pela Divisão de Informação da polícia, a unidade encarregada de combater os crimes dos extremistas muçulmanos e contra o terrorismo.

A prática ilegal da lei muçulmana Sharia vem aumentando na Europa dentro das comunidades de muçulmanos imigrantes ou europeus convertidos. Para entender melhor a ilegalidade da lei Sharia nos países ocidentais, leia aqui.

Envie por email para seu amigo e divulgue no seu FacebookDiggDel.icio.usStumbleuponRedditBlinklistTwitterTechnoratiYahoo BuzzNewsvine

Anúncios

5 Respostas

  1. Esses dementes, por acaso pensavam que estavam em casa? A Europa precisa tomar cuidado com o crescimento desses extremistas em seu território!

    • Nem o que eles pensam ser a casa “deles” na verdade lhes pertence. Tudo pertence a Deus e Ele está vendo o que está acontecendo em certos países de religião extremista. No seu tempo devido, prestarão contas perante Deus pelo que fizeram e estão fazendo, que vai além de todo respeito aos direitos humanos e liberdade de fé.

  2. Gente acho td isso um grande absurdo, mais infelizmente nos países de maioria muçulmana é a cultural ocorrer isso e infelizmente temos que respeita-los como pessoas, apesar de algumas vezes igual a essa nao estarem se comportando como um!!!

    • é verdade, Joabe. Temos que respeitá-los e em troca exigir que respeitem os direitos dos nossos irmãos cristãos que são tratados como sub-humanos e cidadãos de segunda classe nos países de maioria muçulmana. Direitos humanos tem que ser respeitados em todos os países. Nos países ocidentais, não existem restrições aos muçulmanos e ao seu trabalho de conversão. Nos países muçulmanos, se converter para a fé cristã pode significar até a pena de morte. Isso tem que mudar. Direitos Humanos para todos, essa é a nossa proposta ao denunciar esses crimes e perseguições que acontecem naqueles países enquanto a maioria de muçulmanos moderados se cala e não protesta contra esses radicalismos de seus irmãos de fé. Obrigado pelo seu comentário e sinta-se sempre bem-vindo no nosso site.

  3. […] Envie por email para seu amigo e divulgue no seu Facebook | Digg | Del.icio.us | Stumbleupon | Reddit | Blinklist | Twitter | Technorati | Yahoo Buzz | Newsvine […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: