Pastor e Esposa Sequestrados e Mortos na Nigéria


LAGOS, Nigéria, 20 de abril (CDN) – Pessoas suspeitas de conexões com o extremismo islâmico seqüestraram e mataram um pastor da Igreja de Cristo da Nigéria e sua esposa na vila de Boto, no estado de Bauchi no norte da Nigéria.

O Reverendo  Ishaku Kadah, de 48 anos, e sua esposa Selina de 45 foram enterrados no sábado, 17 de abril, depois que criminosos não identificados alegadamente os levaram de sua casa no escritório central da igreja no dia 13 e os assassinaram.   Seus corpos cremados foram encontrados horas depois.

Em 22 de janeiro, pessoas suspeitas de envolvimento com o extremismo islâmico atearam fogo em sua igreja depois que cristãos refugiados por causa de violência religiosa no estado do Plateau se abrigaram dentro dela.

A polícia prendeu dois suspeitos e lançou uma busca por vários outros cúmplices.  As autoridades não revelaram o nome deles.

O filho do casal assassinado, Simeon Kadah, disse que uma testemunha ocular que veio levar algumas cadeiras alugadas avistou homens arrastando o pastor e sua esposa para fora de casa.  Kadah disse que os homens perguntaram à testemunha se ela era muçulmano, e quando ele respondeu que sim, os seqüestradores mandaram-no fugir e não contar nada a ninguém.

“Esse é mais um caso de matança desenfreada de cristãos, o que condenamos, e demandamos que agentes da lei prendam os criminosos responsáveis por isso,” disse à CDN o bispo Musa Fula, presidente da Associação Cristã da Nigéria no estado de Bauchi.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: