Nova Onda de Expulsões de Cristãos no Marrocos


Washington, D.C., 17 de maio de 2010 (ICC) – A International Christian Concern (ICC) soube que 23 estrangeiros foram notificados de sua expulsão do Marrocos a partir de 10 de maio de 2010, marcando uma segunda onda de deportações do país.

Um porta-voz da embaixada americana no Marrocos disse, em entrevista à ICC, “Estamos muito preocupados com isso. Mesmo que hajam menos americanos nessa rodada do que no começo de março, estamos ainda seguindo tudo de perto, e expressamos preocupações, junto com outras missões diplomáticas aqui, às autoridades marroquinas a respeito desse assunto particular.”

As notificações recentes de expulsão são atribuídas oficialmente à evangelização cristã, que é ilegal pela lei marroquina. No começo desse ano, a aplicação de leis contra a evangelização resultou nas deportações de ao menos 40 cidadãos americanos e vários outros expatriados estrangeiros do Marrocos.

No entanto, autoridades marroquinas se recusaram a dar explicações sobre as acusações. “O governo marroquino se recusa dar qualquer informação ao povo, o que é perturbador,” disse o porta-voz da embaixada dos EUA. “Mas compreendemos que é tudo baseado em uma alegada proselitização.“

A Embaixada dos EUA confirmou que entre aqueles que receberam notícia de expulsão está um cidadão americano. De acordo com ativistas cristãos marroquinos no país, a lista de deportados também inclui cidadãos da Grã-Bretanha, França, Suíça, Espanha, Holanda, Canadá, Nova Zelândia, Guatemala, Colômbia e Coréia.

A deportação de estrangeiros também afetou a igreja nacional marroquina. Um pastor perto de Marrakech (que pediu para ficar anônimo), disse, “Nós cessamos todas as atividades de culto. Estamos com medo de que os muçulmanos vão nos atacar se estivermos em reuniões, então não há reuniões. Achamos que o próximo passo deve ser contra os marroquinos. Talvez eles vão encontrar acusações contra nós ou eles podem invadir o culto para prender pessoas.”

As expulsões causaram preocupação no Congresso dos EUA, que estará mantendo uma reunião no dia 17 de junho de 2010 para examinar o assunto. O congressista Frank Wolf, um líder da proteção de liberdades religiosas, alegou, “Eu peço ao governo do Marrocos que mantenha sua dedicação aos princípios de tolerância e liberdade, que por muito tempo, o fizeram um modelo dentro do mundo árabe.”

Aidan Clay, o gerente regional da ICC para o Oriente Médio, disse, “As leis contra a proselitização estão sendo de novo usadas para assegurar que muçulmanos marroquinos não se convertam ao cristianismo ou outras religiões, e para preservar a maioria muçulmana do Marrocos. O que na superfície se assemelha à leis contra o proselitismo, são na verdade leis contra a conversão religiosa – nenhum muçulmano se converterá à outra religião se eles não puderem ouvir sobre elas. Isso viola diretamente o direito fundamental de liberdade religiosa – a habilidade de abraçar uma religião baseado em escolha individual. A deportação recente de estrangeiros cristãos demonstra a recusa total do Marrocos em aderir ao Decreto de Liberdade Religiosa de 1998. O governo dos EUA e a comunidade internacional devem fazer o Marrocos ser responsável por seus atos e demandar que o governo marroquinos mantenha leis de liberdade religiosa internacional.”

Em grande parte dos países de maioria muçulmana vemos um aumento crescente de perseguiçoes contra os cristãos enquanto que nos países do ocidente democrático os muçulmanos são livres para fazer proselitização e conversões para a fé maometana.

A receita com o turismo é muito importante para a economia do Marrocos e outros países muçulmanos. Turistas dos países ocidentais democráticos deveriam pensar duas vezes antes de financiar com seu dinheiro a perseguição às religiões que ocorre em boa parte dos países muçulmanos.

Share

Anúncios

Uma resposta

  1. […] Nova Onda de Expulsões de Cristãos no Marrocos […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: