Mariam e Marzieh são inocentadas e saem do Irã


Marzieh Amirizadeh e Maryam Rostampoor

Marzieh Amirizadeh e Maryam Rostampoor

TEERÃ, Irã, 24 de maio de 2010 (ICC, Elam Ministries), Novidades sobre a perseguição contra as jovens cristãs iranianas Maryam Rostampoor e Marzieh Amirizadeh. Elas foram presas pela primeira vez em 5 de março de 2009 pelas forças de segurança iranianas sob a acusação de apostasia (conversão ao cristianismo do islamismo).

Não demorou muito para que o mundo tomasse conhecimento da enorme coragem  de Mariam e Marzieh em face de extrema pressão e intimidação das autoridades iranianas.

Durante uma audiência no Tribunal Revolucionário Islâmico de 09 de agosto de 2010, o juiz ordenou a Maryam e Marzieh que renegassem sua fé cristã em troca de sua liberdade.

“Nós não vamos negar a nossa fé cristã”, disseram as duas. “Se nós sairmos da prisão, queremos fazê-lo com honra “.

Enquanto estavam detidas na prisão de Evin, famosa por ser um local onde se praticam tortura e maus tratos contra os prisioneiros, Maryam e Marzieh foram mantidas em confinamento solitário e sofreram interrogatórios severos, e por causa disso passaram a sofrer de problemas de saúde.

No entanto, no meio de grandes provações e perseguições, Maryam Marzieh e não perderam a esperança. A comunidade cristã internacional se movimentou através de abaixo assinados para o governo iraniano e mensagens diretas ao Aiatolá Ali Khamenei, supremo líder do governo daquele país muçulmano.

O Senhor ouviu a nossa oração, e em 18 de novembro de 2009, Maryam e Marzieh foram libertadas da prisão.

No entanto, a provação ainda não tinha terminado para as duas. Apesar de libertadas, as acusações que sofriam ainda não haviam sido descartadas e, em abril, Maryam e Marzieh foram convocadas para outra audiência.

Após um mês de espera ansiosa por um veredito, finalmente a notícia de que em 23 de maio de 2010, todas as acusações contra Maryam e Marzieh foram retiradas!

Ao ouvir a notícia, Maryam e Marzieh deixaram o Irã rumo a um país desconhecido depois de terem sido avisadas pelas autoridades judiciárias muçulmanas do Irá que qualquer futura atividade cristã no Irã seria severamente punida.

Fora daquele país muçulmano, de agora em diante, Maryam e Marzieh poderão adorar a Deus livremente e em todas as horas do dia sem ter de temer a morte ou prisão. Sua fé e perseverança tem sido um incentivo para que inúmeros crentes em todo o mundo.

Maryam e Marzieh são gratos pelo apoio e as orações dos cristãos no mundo inteiro. “Estamos muito gratas a todos que oraram por nós “, disseram.” Eu não tenho dúvida de que Deus ouviu as orações do Seu povo. Creio que a nossa detenção, prisão e posterior libertação ocorreram no tempo e plano de Deus, e foi tudo para a Sua glória. Mas as orações do povo e incentivos nos sustentou durante todo esse calvário. ”

O Julgamento: “Você está duvindando que Deus é Todo-Poderoso?!”

Repetimos aqui a mostra da grande fé de Mariam e Marzieh durante uma audiência do Tribunal Revolucionário Islâmico do Irã no dia 10 de agosto de 2009, descrita em outro artigo neste site:

“O advogado de acusação exigiu das duas mulheres que renunciassem à sua fé cristã, “verbalmente e por escrito”. Mas elas recusaram, dizendo:

-“Nós não renegamos nossa fé (em Cristo)”.

Durante um momento tenso da audiência, Maryam Rustampoor e Marzieh Amirizadeh disseram que acreditavam que Deus havia falado com elas através do “Espírito Santo”. O assistente do advogado de acusação respondeu:

-“É impossível que Deus fale com humanos”. Marzieh Amirizadeh contra-atacou com extrema inteligência:

-“Você está duvidando que Deus é todo poderoso?”

O advogado não soube o que responder. Um muçulmano que duvida que Alá (Deus) não é todo poderoso comete blasfêmia contra Alá o que é crime de morte em vários países muçulmanos segundo a lei Sharia. Marzieh mesmo doente e com dores permanece alerta na fé e rejeita a tentação proposta pelo advogado muçulmano. Subentende-se: renegue Jesus que você não sofrerá mais fisicamente. Renegue Jesus e será libertada. Renegue Jesus e voltará para tua família. Renegue Jesus e poderá tratar de suas dores de cabeça e na coluna. Renegue Jesus e seu dente inflamado será tratado. Renegue Jesus e não passará fome. A autêntica tentação como aquelas propostas pelo Inimigo a Cristo em Lucas 4:1-13. O advogado de acusação sentiu o ataque de Marzieh, recuou e disse:

-“Você não é digna que Deus lhe fale diretamente”.

Marzieh Amirizadeh respondeu: -“Quem decide se sou digna ou não é Deus e não você.”

Tamanha prova de fé e entrega total a Cristo, serve de exemplo para todos nós que felizmente vivemos num país tolerante e pacífico. Agradeçamos a Deus por isso e fiquemos alertas para que essa tolerância continue.”

  • Ore para que Mariam Rostampoor e Marzieh Amirizadeh recuperem sua saúde e mantenham-se firmes na fé em Cristo.
  • Ore pelos cristãos iranianos, nossos irmãos de fé, que permanecem no Irã e continuam propagando a fé em Cristo com amor e perserverança sob sofrimento.
  • Ore pela igreja cristã iraniana, que continua a crescer apesar do grande tormento e aflição cometidos contra eles pelo governo muçulmano iraniano.

Artigos relacionados:
Maryam e Marzieh Enfrentam a Morte, mas se Recusam a Renunciar à Fé Cristã
Escreva pedido a liberdade de fé para as cristãs iranianas Maryam Rostampoor e Marzieh Amirizadeh
Irã Liberta as Cristãs Maryam Rostampour e Marzieh Amirizadeh
Comissão da ONU condena Irã por repressão após eleição presidencial
O governo do Irã faz aniversário em tempos turbulentos com críticas de abuso religioso
Autoridades no Irã libertam pastor cristão após fiança
Irã detém cristãos sem autorização legal
Reverendo Wilson Issavi preso no Irã
Como vão indo, Mohammed e Gelanie Azbari?
A Quinta Ferramenta
Irã Prende, Intimida Cristãos no Natal
Abbas Amiri e Sakineh Rahnama: reflexão.
Como vai indo, Tina Rad?
Irã Proíbe Cultos das Assembleias de Deus às Sextas-feiras

Share

Anúncios

Uma resposta

  1. […] Mariam e Marzieh são inocentadas e saem do Irão […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: