Muçulmanos do Marrocos usam o Facebook para perseguir Cristãos


RABAT, Marrocos, 17 de junho de 2010 (CDN) – O usuário do Facebook Gardes Maroc postou uma colagem com 32 imagens mostrando dezenas de convertidos ao cristianismo, chamando-os de “evangelistas de hienas”. As imagens on-line representam cristãos convertidos e suas famílias do outro lado do país e incluem detalhes sobre seu papel e atividades nas igrejas, seus endereços pessoais e anedotas que tentam difamá-los.

“Estas são algumas fotos de hienas convertidas do Marrocos”, diz a legenda de uma imagem.

Em meio a uma campanha na mídia nacional para difamar os Cristãos no Marrocos, mais de 7.000 clérigos muçulmanos assinaram uma declaração denunciando todas as atividades cristãs e chamando o trabalho humanitário dos “cristãos estrangeiros” de “terrorismo religioso”.

Na página do Facebook, Gardes Maroc Maroc convoca, de forma especialmente contundente, as autoridades Marroquinas a investigar os pais adotivos de crianças da vila de Ain Leuh, 50 milhas ao sul de Fez. O usuário do Facebook alega que os cristãos locais sob o comando de missionários estrangeiros tentaram adotar crianças, a fim de que os esforços da missão não fossem “vãos’.

Uma página inteira foi dedicada a uma conhecida personalidade da TV Cristã no Oriente Médio, Rashid Hmani, e sua família. O usuário também inseriu fotos de hienas próximas desses cristãos, supostamente para indicar sua periculosidade para a nação.

Dezenas de Cristãos foram chamados a delegacias de polícia para interrogatório. Muitos deles têm sido ameaçados e sofrido abusos verbais. “Zombaram de nossa fé Cristã”, disse um cristão do Marrocos que pediu anonimato. “Eles não foram educados.”

A maioria dos cristãos do Marrocos que conversou com a CDN disse que a atitude de seus parentes muçulmanos mudou e que, muitas vezes, vêm sendo expulsos de suas casas ou escolhem partir para “não criar problemas” para suas famílias.

A respeito da recente pressão sobre os cristãos, o advogado marroquino Abdel Adghirni disse: “O governo está tentando dominar. Estão se defendendo. Eles percebem o vento da mudança. Acho tudo isso normal – como num processo químico complexo, que torna-se ativo à medida que diferentes elementos se encontram. As coisas estão mudando.”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: