“Regime do Irã não deveria ser reconhecido”, diz ONG a Lula

Caro presidente Lula da Silva,

Sua oferta de asilo no Brasil para Sakineh Ashtiani, sentenciada à morte (pelo governo muçulmano do Irã) por ter feito sexo fora do casamento, é um passo importante para salvar a ela e seus filhos. Espero que com as muitas ações e esforços internacionais em curso no momento possamos salvar Sakineh e que ela e seus filhos possam voltar a se abraçar o mais cedo possível.

Continue lendo

Sakineh Ashtiani: “Quem não tiver pecado dentre vós, que atire a primeira pedra”

Sakineh: Quem não tiver pecado, que atire a primeira pedra

Neste momento em que o governo muçulmano do Irã condenou à morte a Sra. Sakineh Mohammadi Ashtiani, volta às manchetes o tratamento preconceituoso imposto às mulheres muçulmanas.  “A questão da mulher no islamismo é um dos assuntos mais críticos que os muçulmanos tentam esconder dos ocidentais, pois ninguém consegue imaginar que possa existir uma religião que confesse ter este tipo de tratamento para com as mulheres. Estarei mencionando o que o Alcorão e o Hadith (ensinos, palavras e atos de Maomé) mencionam sobre as mulheres no islamismo, assim como a opinião de Maomé e dos Califas.” diz o Dr. Salim Almahdy. Leia este artigo que cita muitas fontes do Corão e dos hadiths (palavras de Maomé) que servem de guia para todos os muçulmanos.
Continue lendo

Bispo: cristãos, não dêem seus votos à senhora Dilma Roussef.

Dom Luiz Gonzaga Bergonzini: não vote em quem apóia o aborto.

“Dai a César o que é de César e a Deus o que é de Deus Com esta frase Jesus definiu bem a autonomia e o respeito, que deve haver entre a política (César) e a religião (Deus). Por isto a Igreja não se posiciona nem faz campanha a favor de nenhum partido ou candidato, mas faz parte da sua missão zelar para que o que é de “Deus” não seja manipulado ou usurpado por “César” e vice-versa.” Leia a declaração do Bispo dom Luiz Gonzaga Bergonzini, publicado dia 19 de julho de 2010 no site da CNBB e depois retirado do ar por algum censor da própria CNBB.
Continue lendo

Galvão Bueno: você é contra ou a favor?

Campanha Galvão Bueno publicada no New York Times

Campanha Galvão Bueno publicada no New York Times

Para quem não sabe, Galvão Bueno é o locutor de esportes da maior rede brasileira de televisão, a Rede Globo. Ele não é lá muito popular. Alguns o acusam de falar muito e sem sentido. Há anos, grupos de torcedores brasileiros levam cartazes para os estádios com a frase “Cala a Boca Galvão”. Mas o que era algo limitado e endêmico, transformou-se numa epidemia eletrônica viral nesta Copa do Mundo de Futebol de 2010. Você é contra ou a favor? Clique aqui para votar: Votação: Você cristão é a favor ou contra a campanha “Cala boca Galvão!” e depois leia o resto do artigo clicando abaixo.

Continue lendo

Kaká critica colunista da Folha e se diz perseguido por ser religioso

Kaká: acusa o ateu Juca Kfouri de perseguição

Kaká: acusa o ateu Juca Kfouri de perseguição

“Há algum tempo os canhões do seu pai [Juca Kfouri] são disparados contra mim. Eu queria aproveitar a pergunta para responder às críticas que ele vem fazendo, e o que me deixa triste é que essas críticas não são pelo futebol, mas porque ele tem problemas comigo por causa da minha religião. Porque eu sou uma pessoa que segue Jesus Cristo.” Leia a reportagem completa na Folha de São Paulo.