Número de cristãos passa de 3 para 130 mi na China

A Igreja na China experimenta um crescimento como nunca visto antes, é o que afirma o Conselho Mundial de Igrejas (CMI). Ao contrário do que muitos pensavam, não são apenas pobres que frequentam as igrejas, mas pessoas ricas também estão abraçando o cristianismo. Beijing e Shanghai são a prova.
Continue lendo

Anúncios